Virmond - Se você é criador de pescado, confira a dica da Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente - Cantu em Foco - As principais notícias da região, você encontra aqui no Cantu em Foco

URGENTE

quinta-feira, 22 de julho de 2021

Virmond - Se você é criador de pescado, confira a dica da Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente

 


Como todos sabem o inverno é um período de grandes desafios para a maioria dos produtores, pois com ele vem também vários problemas com relação as baixas temperaturas.

Na área da piscicultura enfrentamos problemas com temperatura amenas, pois os peixes são considerados animais de sangue frio e por isso a temperatura corporal é igual a temperatura do ambiente em que estão, eles diminuem o seu ritmo metabólico portanto ficam parados podendo em alguns casos chegar à morte.
Portanto o produtor deve ficar atento quanto ao manejo adotado em seus tanques, principalmente em relação a nutrição. É importante salientar que o fornecimento de ração deve ser reduzido nesse período, pois além dos peixes não consumirem a ração, o excesso acaba restando no tanque, causando problemas com a qualidade de água, afetando principalmente a disponibilidade de oxigênio primordial para sua sobrevivência.
Além é claro de outros fatores químicos e biológicos que afetam o desenvolvimento e crescimento dos peixes.
Espécies de climas quentes tendem a suportar menos a essa variação de temperatura, pois sua faixa de conforto varia de 24 a 28 graus, por isso é comum encontrar peixes mortos sendo por motivos de frio, qualidade de água, manejo de alimentação e doenças.
Para evitar esse tipo de situação recomenda-se que o produtor não forneça ração em dias muito frio e quando alimentados, que a quantidade não ultrapasse ¼ da quantidade fornecida em dias de temperatura quente. Utilizar de sal comum para evitar doenças como fungos e bactérias e realizar manejo de qualidade de água com orientação técnica para evitar mais problemas.