Cuidados que não podem faltar com bebês e crianças em dias gelados - Cantu em Foco - As principais notícias da região, você encontra aqui no Cantu em Foco

URGENTE

Cuidados que não podem faltar com bebês e crianças em dias gelados

 



 


Temperaturas tendem a ser mais baixas que o normal, devido ao fenômeno climático “La Niña”



O outono chegou ao Brasil despencando a temperatura na região Sudeste e Centro-Oeste. Na região Sul, a sensação térmica nas últimas semanas ficou abaixo de zero. 

Especialistas afirmam que o fenômeno climático, “La Niña” será o responsável pelas baixas temperaturas recorde no outono/inverno. E aqueles que mais precisam de cuidado em dias gelados são os bebês e crianças. 

Cuidados que não podem faltar nas baixas temperaturas

Não basta agasalhar, é importante prestar atenção em outros fatores que estão ligados à proteção dos bebês e crianças. 

site de roupa infantil, Datitia, também especializado no universo do cuidado com crianças e maternidade, esclarece sobre os principais cuidados que se deve ter.

Momento do banho e pós-banho

Em dias gelados evite banhos pela manhã e noturnos. O ideal é que sejam banhos rápidos, para que o bebê não fique muito aquecido e sofra com choque térmico.

Também é preciso não demorar para vestir a criança e secar rapidamente o cabelo.

Controle nos passeios

O recomendado é evitar saídas pela manhã ou no final da tarde e noite, quando as temperaturas costumam cair ainda mais.

Ventos fortes sobre o bebê e criança podem provocar problemas respiratórios e contato com diferentes tipos de vírus. 

O carrinho do bebê precisa ter proteção para a chuva, frio e ventania, mas também é preciso tomar muito cuidado para não sufocar a criança!

Cuidado com os agasalhos em excesso!

A temperatura corporal ideal é entre 36,5°C e 37,2°C e é comum que os pais queiram agasalhar em excesso os seus filhos. Porém a temperatura costuma oscilar nos ambientes, sendo importante prestar atenção à transpiração da criança.

Em caso de suor, é fundamental retirar alguma peça para manter a criança confortável e com a temperatura controlada.

Itens de vestuário essenciais

Toucas para cobrir os ouvidos, luvinhas, jaquetas e blusas para os casos de exposição a vento forte, são essenciais. 

As blusas de lã e o moletom são indicados por baixo de agasalhos para isolar o vento.

Momento do sono

No momento de sono da criança e bebê é importante manter o ambiente com a temperatura entre 23 e 26 graus, porém aquecedores precisam ser evitados por diminuírem a umidade relativa do ar. 

O ideal é verificar a capacidade de vedação nas janelas do quarto. Evite protetores de berço e acessórios em excesso. A criança precisa estar agasalhada, porém na medida certa, sacos de dormir costumam ser mais indicados para bebês do que cobertores. 

Cuidados com a pele

Banhos não podem ser dados com temperatura superior a 37°C, porque a água quente resseca a pele. 
Quando a criança usa fralda, evite os lenços umedecidos e prefira lavar a região com água e sabão.

Hidratantes não podem ser utilizados sem recomendação médica. Tome cuidado em manter a criança hidratada por meio de água, chás e alimentação saudável.

E em casos de berçário ou escolinha?

Geralmente as crianças que frequentam escola ou berçário são as que mais adoecem.
 
É fundamental que as vacinas estejam em dia e que a higiene das mãos dos profissionais em contato com a criança seja disciplinada. 

Quando a criança está doente ou apresentar febre, precisa ficar em casa, protegendo as demais e para que tenha uma cura mais rápida. 

Os dias tendem a ser mais frios nas próximas semanas, assim como a oscilação de temperatura também pode afetar, principalmente as regiões Sudeste, Sul e Centro-Oeste, por isso, redobre os cuidados com os pequenos.

 o site Datitia, que também é especialista em assuntos em torno da maternidade e do universo infantil