Estado discute panorama da dengue no Paraná com secretarias municipais de Saúde - Cantu em Foco - As principais notícias da região, você encontra aqui no Cantu em Foco

URGENTE

Estado discute panorama da dengue no Paraná com secretarias municipais de Saúde


 O panorama da dengue no Paraná e as ações de combate à doença foram discutidos nesta quarta-feira (13) em reunião entre o secretário de Estado da Saúde, César Neves, e o Conselho de Secretários Municipais de Saúde do Paraná (Cosems/PR). Foi o primeiro encontro formal depois da troca de comando na pasta.


Um dos objetivos é reprisar a estratégia de combate de 2019, com apoio da Defesa Civil e do Corpo de Bombeiros, além de campanhas de conscientização para controle do mosquito.


“Essa parceria é importante nesse momento, principalmente no que tange à dengue. Iremos ao Ministério da Saúde, já vislumbrando o cenário epidêmico, pedir uma suplementação de insumos farmacêuticos para o enfrentamento da doença, principalmente o soro fisiológico”, disse o secretário.

No boletim epidemiológico da dengue desta semana foram confirmados três novos óbitos, totalizando cinco mortes pela doença no atual período sazonal da doença, iniciado em 1º de agosto do ano passado e que segue até julho de 2022. O Estado tem 16.560 casos confirmados e 65.040 notificações, em 360 municípios. Há, ainda, 19.051 casos em investigação.


Outro tema do encontro foi o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Segundo o secretário, a pasta enviará uma comitiva para Brasília na próxima semana para articulação com o governo federal sobre a manutenção e custeio das equipes do Samu. Este ano o Paraná atingiu 100% de cobertura do serviço, que é referência nacional em atendimentos.

Também participaram do encontro o chefe de gabinete da Sesa, Ian Lucena Sonda; o presidente do Cosems, Ivoliciano Leonarchik (Mangueirinha); o 1º diretor financeiro, Sérgio Henrique dos Santos (Campo Mourão); o 2º vice-presidente, Odileno Garcia Toledo (Antonina); a 2ª diretora financeira, Gislaine Galvão Inácio (Santo Antônio da Platina); o 1º e o 2º diretores de Relações Institucionais e Parlamentares, Jonas Welter (Capanema) e Roberto Amatuzzi Franco (Imbaú); o 1º diretor da Macrorregião Oeste, Marcos Rigolon (Guaíra); e, do conselho fiscal, Wanderson de Oliveira (Bandeirantes).

AEN