Em nota, policiais penais disseram que não se envolveram no acidente com morte na BR 277 - Cantu em Foco - As principais notícias da região, você encontra aqui no Cantu em Foco

URGENTE

Em nota, policiais penais disseram que não se envolveram no acidente com morte na BR 277

 


O Sindicato dos Policiais Penais do Paraná, o SINDARSPEN, se manifestou por meio de nota após os relatos de testemunhas do acidente com duas carretas na BR 277. Motoristas alegam que viaturas do Depen podem ter causado a batida que matou um caminhoneiro e feriu outro gravemente. 

De acordo com o sindicato da categoria duas viaturas do Depen, conduzidas por policiais penais, realizavam uma escolta com destino ao Complexo Médico Penal. Os quatro servidores foram parados pela Polícia Rodoviária Federal para prestar esclarecimentos sobre o acidente. 

Em conversa com dirigentes sindicais, os colegas contaram que não se envolveram no acidente e que só souberam do ocorrido quando foram parados e orientados pela Polícia Rodoviária Federal a prestarem informações para as autoridades locais.

Os policiais penais estão, no momento em Guarapuava aguardando as oitivas preliminares de praxe junto à Polícia Judiciária.  Os agentes estão acompanhados de diretores do Sindarspen, Vanderleia Leite, Ricardo Cícero e o advogado do sindicato.

Redação Catve.com