Pequena empresa ‘divide’ apartamento em cotas e conquista prêmio na Europa - Cantu em Foco - As principais notícias da região, você encontra aqui no Cantu em Foco

URGENTE

Pequena empresa ‘divide’ apartamento em cotas e conquista prêmio na Europa

 

Modelo de negócio democratiza mercado imobiliário, agiliza e proporciona transparência

 

CEO da Bravo, Evandro Rodrigues comemora o reconhecimento internacional. Foto: Divulgação

É de Maringá, no noroeste da Paraná, a pequena empresa vencedora do Real Estate Tokenization Challenge 2021. A Bravo Empreendimentos se destacou entre 50 empresas de vários países. O evento foi realizado em Londres, Inglaterra, pela Fibree em parceria com a BlickSquare, unindo os setores imobiliário e da tecnologia de blockchain.

Cliente do Sebrae/PR em programas que fomentam o desenvolvimento de tecnologia, com o apoio do Engenium Park e do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Paraná (Sinduscon-PR/Noroeste) no desenvolvimento de seus projetos, a empresa foi vitoriosa no evento com uma solução de tokenização de um ativo real.

O CEO Evandro Rodrigues diz que o projeto de tokenização começou há cerca de dois anos. As unidades do empreendimento Be Deodoro foram divididas em partes menores. Ou seja: os interessados podem adquirir cotas dos imóveis para vendê-las ou receber os rendimentos de aluguéis equivalentes, por exemplo.

“Pegamos um ativo real, que tem registro de imóvel e fracionamos em vários tokens, e fizemos o ativo digital. A complexidade é gigantesca. São muitos documentos. Um apartamento foi fracionado em cem mil tokens”, explica Rodrigues.

Esse modelo de negócio democratiza o mercado imobiliário, agiliza e proporciona transparência. O objetivo é ampliar a solução, atendendo a incorporadoras e também o público de consumidores que não possui recursos para a compra de unidades inteiras, mas que desejam comprar imóveis na fase de construção.

Uma conta digital estabelece as regras da compra, como se o contrato é de rentabilidade, de propriedade, vantagens por ordem de compra, entre outras. “Tem como fazer uma cadeia. E qualquer pessoa de qualquer lugar do mundo pode comprar. Estamos expandindo a atuação do mercado imobiliário”, diz Rodrigues.

O consultor do Sebrae/PR, Marcos Aurélio Gonçalves, destaca o potencial inovador da empresa como amostra das possibilidades locais. “É um exemplo do que temos condições de fazer na cidade. É um negócio disruptivo para o mundo inteiro, que rompe com um modelo global, e que começa na nossa cidade”, comenta.

Tokenização

Conforme o CEO da Bravo Empreendimentos, para a tokenização imobiliária acontecer, é necessário um imóvel podendo este ainda estar na planta ou já finalizado. No processo é emitido um número finito de ativos digitais (tokens), que passam a representar frações do imóvel. Cada token pode ser vendido individualmente. O dono do token adquire direitos sobre a fração do imóvel, e o token fica armazenado em uma carteira digital.