Cinco meses após início da vacinação, Laranjeiras do Sul alcança 16 mil doses aplicadas - Cantu em Foco - As principais notícias da região, você encontra aqui no Cantu em Foco

URGENTE

terça-feira, 22 de junho de 2021

Cinco meses após início da vacinação, Laranjeiras do Sul alcança 16 mil doses aplicadas


 Desde que os três primeiros profissionais de saúde foram vacinados — no evento que marcou o início da imunização contra a Covid no município — Laranjeiras do Sul já aplicou 16.208 doses, segundo dados do boletim divulgado nesta terça-feira, 22, pela Secretaria de Saúde. Laranjeiras do Sul está aplicando três das vacinas aprovadas pela Anvisa: a Coronavac/Butantan, a AstraZeneca/Fiocruz e a Pfizer/BionTech. 


Como mais recentemente as vacinas da AstraZeneca e da Pfizer passaram a vir em maior quantidade, o ritmo de vacinados com a segunda dose desacelerou, já que ambas possuem intervalo maior de aplicação do reforço em comparação com a Coronavac. Por outro lado, mais grupos passaram a se vacinar com a primeira dose nos últimos dois meses.

O cronograma do Estado, divulgado na semana passada, espera vacinar todos os adultos do Paraná até 30 de setembro, mas o planejamento depende do envio de doses pelo Governo Federal. A última remessa chegou aos municípios na sexta e nesta semana a previsão é de que o Paraná receba mais 451 mil doses de imunizante.

Desde o início da vacinação, Laranjeiras do Sul recebeu para a primeira dose 13.065 e para a segunda dose 4.118, totalizando 17.183 doses. Deste total, foram aplicadas 16.208 doses. Entre os 20 municípios que fazem parte da 5ª Regional de Saúde, Laranjeiras do Sul é o terceiro em doses aplicadas na população estimada: 40%. Fica atrás somente de Foz do Jordão com 46% e Pitanga com 44%. 

NÚMEROS EM LARANJEIRAS DO SUL
1ª dose: 12.768
2ª dose: 3.440

-Doses aplicadas em idosos: 7.286
-Doses aplicadas em pacientes com comorbidades: 2.917
-Trabalhadores da Assistência Social: 33
-População geral (acima de 44 anos): 2.984
-Profissionais da Saúde, Indígenas e Internos do Asilo: 1.801
-Trabalhadores da Educação/nível básico: 807
-Forças de segurança: 14
-Gestantes/Puérperas: 121
-Trabalhadores da limpeza urbana: 30
-População privada da liberdade: 201
-Trabalhadores do Ensino Superior: 14

Nenhum comentário: