Meteorologistas alertam para frio do djanho com possibilidade de neve e chuva congelada no Paraná - Cantu em Foco - O maior site de notícias online da região Cantu no Paraná

Últimas

segunda-feira, 17 de agosto de 2020

Meteorologistas alertam para frio do djanho com possibilidade de neve e chuva congelada no Paraná

 

Dois institutos de meteorologia, MetSul e Climatempo emitiram neste domingo (16) alerta de neve e chuva congelada na Região Sul do País prevista para o final da semana com a chegada de uma massar polar intensa. O alerta abrange o Rio Grande do Sul, Santa Catarina e a região chamada de Planalto de Palmas, no Paraná. A previsão é que os fenômenos podem acontecer entre a quinta (20) e o sábado (22). 

"Massas de ar frio fortes ocorrem virtualmente quase todos os anos no Sul do Brasil, mas esta será excepcionalmente forte e abrangente para a segunda metade do mês de agosto. A queda da temperatura será sentida a partir da quarta-feira no Rio Grande do Sul e entre quinta e sexta-feira será percebida nas demais regiões brasileiras. A quinta, a sexta e o começo do sábado serão dias de muito frio no Sul do Brasil. Como a massa de ar será por demais gelada, é comum que chegue com vento moderado a forte que vai trazer sensação térmica com valores muito baixos, negativos em muitas localidades", diz o comunicado da MetSul. O instituto alerta que a  probabilidade de neve é altíssima e que nos próximos dias as previsões serão atualizadas conforme a movimentação da massa polar.  A MetSul Meteroologia destaca que fenômeno que não se descarta ainda é a ocorrência de chuva congelada e que poderia se dar até em locais até de menor altitude, mesmo ao nível do mar, porque a atmosfera estará extremamente resfriada na segunda metade da semana e este tipo de precipitação pode ocorrer com a temperatura em superfície acima de 5ºC positivos.

Já de acordo com o Climatempo, na quinta-feira (20), a combinação da frente fria, com a forte massa de ar polar e a circulação ciclônica de uma baixa pressão atmosférica, vão favorecer a entrada de ventos muito frios e úmidos na Região, portanto,  há possibilidade de neve e chuva congelada nas serras gaúchas e catarinense entre a tarde e a noite da quinta-feira. A sexta-feira, dia 21 de agosto, ainda será bem úmida e fria nas regiões serranas, por isso a previsão de neve e chuva congelada ainda persiste no decorrer do dia.

Chuva

Nos últimos dias choveu entre 50 a 60 milímetros na Região Metropolitana de Curitiba (RMC). Apesar de ser um alento, ainda está longe de resolver a crise hídrica na região. Teoricamente, são necessários 100 mm de chuva para garantir o abastecimento por um mês. A boa notícia é que a previsão para os próximos dias é de mais chuva na Grande Curitiba e no Paraná. Hoje, o tempo segue instável em todo o Estado. De amanhã até a quinta-feira estão previstas chuvas em vários momentos, inclusive com chance para temporais com volume de chuva significativos em alguns locais.  A partir da quinta, também está prevista a queda das temperaturas mínimas. No Centro-Sul a temperatura pode cair a 1ºC de mínima. Na sexta-feira, segundo previsão no site do Sistema Meteorológico do Paraná (Simepar), as mínimas ficam negativas na região de Ponta Grossa, Guarapuava e Laranjeiras do Sul. Os termômetros podem marcar zero grau no Sul e na Capital. No sábado podem ocorrer geadas desde o Sudoeste do Estado até uma parte do Norte Pioneiro. Depois, até o final do mês, o Estado deve variar dias de tempo bom e chuvas.

Nenhum comentário: