Caixa vai espaçar pagamento de auxílio emergencial para reduzir fila - Cantu em Foco - O maior site de notícias online da região Cantu no Paraná

Últimas

segunda-feira, 4 de maio de 2020

Caixa vai espaçar pagamento de auxílio emergencial para reduzir fila

Homem de máscara em frente à aglomeração na agência da Caixa, no Rio.

Movimentaçao em agência da Caixa em Madureira, no Rio, neste sábado (02).

Foto: Cléber Mendes/Estadão Conteúdo
A Caixa Econômica Federal vai espaçar o pagamento da segunda parcela do auxílio emergencial aos trabalhadores informais para tentar reduzir as filas que vem se formando nas agências.
O calendário do pagamento em dinheiro da primeira parcela foi escalonado diariamente conforme o mês de aniversário dos beneficiados. Segundo apurou a CNN, na segunda parcela, haverá um intervalo de mais dias para avançar.
Na primeira parcela, o pagamento começou no dia 27 de abril para os nascidas em janeiro e fevereiro, seguindo com 28 de abril para os aniversariantes de março e abril e, sucessivamente, até amanhã, dia 5 de maio.
A avaliação da cúpula do banco é que esse sistema provocou muitas filas por causa da enorme demanda. Até sexta-feira, haviam sido pagos R$ 35,5 bilhões para 50 milhões de pessoas.
A Caixa ainda não tem a definição de quando começará a ser paga a segunda parcela. A data deve ser definida nos próximos dias pelo presidente Jair Bolsonaro. De toda forma, não começa essa semana.
Inicialmente, a Caixa previa pagar a primeira e a segunda parcelas do auxílio emergencial ainda no mês de abril, mas isso acabou não ocorrendo. No total, o governo prevê pagar três parcelas de R$ 600 para os trabalhadores informais que perderam seu sustento com a pandemia do novo coronavírus.
CNN

Nenhum comentário: