Mãe humilha confeiteira que doou bolo e salgados para sua filha - Cantu em Foco - O maior site de notícias online da região Cantu no Paraná

Últimas

sábado, 8 de fevereiro de 2020

Mãe humilha confeiteira que doou bolo e salgados para sua filha

"Da próxima vez, dê algo que preste", escreveu mãe da criança no Facebook. Ela havia pedido doação por não ter condições de pagar festa.
Há algum tempo, Cida Guilherme (50) fez uma postagem no Facebook expondo o seu trabalho de confeitaria através de fotos e informando valores dos serviços. 
No fim do ano passado, a confeiteira se emocionou com um pedido de ajuda feito por uma mãe que não tinha dinheiro para dar um bolo de aniversário para sua filha.
“Ela estava online e entrou contato comigo pedindo ajuda. Disse que estava desempregada e que o marido também, que a filha iria fazer aniversário, e não tinha nem um bolinho para cantar parabéns". 
Cida, que também passa por dificuldades financeiras, seguiu seu coração e teve a nobreza de ajudar a família garantindo um bolinho para a criança.
"Falei que se dependesse de mim, a filhinha dela não ficaria sem bolo para cantar parabéns, até expliquei que só daria o bolo porque também estava passando por um momento difícil. Foi muito amável e agradeceu afirmando que seria só para cantar um parabéns". 
Cida Guilherme trabalha com confeitaria em São Paulo. (Foto: Reprodução/Razões Para Viver)
Mesmo tendo prometido doar apenas um bolo, a confeiteira de coração generoso decidiu presentear a moça com salgados e docinhos também.
“No dia ela me agradeceu por tudo, mas não vi nenhuma postagem da festinha. Achei estranho, mas deixei para lá”, lembra.
Dias depois de fazer a doação, Cida foi marcada pela mãe da criança numa postagem do Facebook e teve uma ingrata surpresa:
"Oi, moça, [...] lembra que te pedi um kit no fim de novembro? [...] Podia ter avisado que ia dar um kit pequeno porque chamei 50 pessoas e, na hora, chega este bolo pequeno acompanhado de 100 salgados e 50 doces, mais nada. Fiquei com tanta raiva que nem postei nada, mas hoje resolvi desabafar para, da próxima vez que for dar algo alguém, você dê algo que preste, ok?".
Reprodução/Facebook
A confeiteira contou que desmoronou ao ver a publicação cheia de críticas:
"Quando vi o post, achei que fosse alguma homenagem para a filha com a foto do bolinho. Na hora, desabei, só queria chorar e chorar". 
Cida Guilherme ensina 80 crianças carentes da comunidade de Jardim Conquista, em São Paulo, com o projeto sem fins-lucrativos Confeiteiros Mirins. Lá, as crianças aprendem a fazer bolos, cupcakes e outros docinhos. 
"Muitas delas vêm à aula na certeza de que terá um lanche. Eu monto as mesas com tudo que fizemos e eles comem e também levam para casa. Sem falar que já deixo um bolo de 10 quilos pronto, só esperando por eles".
Após a repercussão negativa, a mãe da criança deletou a conta do Facebook e desculpou-se com a confeiteira através de parentes.

Com informações dos sites Marie Claire e Razões Para Viver. 

Nenhum comentário: