Suspeito de matar esposa a facadas em Candói se apresenta à polícia e é preso - Cantu em Foco - O seu site de notícias da Cantu

Últimas

quinta-feira, 21 de novembro de 2019

Suspeito de matar esposa a facadas em Candói se apresenta à polícia e é preso

O suspeito de matar a esposa a facadas, em Candói, na região central do Paraná, se apresentou no início da tarde desta quinta-feira (21) na delegacia de Guarapuava, também na região central e foi preso. O crime foi registrado na segunda-feira (18). Carol Baroni dos Santos tinha 25 anos. A mulher foi encontrada morta e ferida com golpes de faca em frente a casa onde morava, segundo a Polícia Militar (PM). De acordo com a Polícia Civil, o casal discutia com frequência. A polícia trabalha com hipóteses do crime ter sido motivado por ciúmes ou surto. A irmã da vítima, Kelly Baroni, contou que no dia do crime iria buscar Carol. De acordo com ela, o suspeito agredia a jovem com frequência.

 "Ameaçou ela com uma arma uma vez. Ele bateu nela com o revólver, deu uma coronhada nela e desferiu socos no rosto. Ele ameaçava ela que não deixaria vir mais pra cá [Guarapuava] ver a gente", contou. Segundo Kelly, Carol estava casada com o suspeito há nove anos. "Sempre foi uma mulher forte trabalhadora". Após o crime, testemunhas relataram que viram o suspeito próximo a uma mata com uma faca, segundo a polícia. As testemunhas disseram ainda que o homem havia dito que tiraria a própria vida. Carol Baroni foi sepultada na terça-feira (19), no Cemitério de Guarapuava.

 "Continuaremos ainda ouvindo algumas testemunhas que foram mencionadas por ele. Buscaremos acesso ao celular da Carol que está apreendido conosco para verificar se existe algum dado que ajude a entender se o crime foi motivado por ciúmes ou traição. O inquérito será relatado em dez dias para ser oferecida denúncia à Justiça", explicou a delegada Ana Carolina Hass de Miranda.

G1

Nenhum comentário: