Vereador Júnior Gurtat solicita a implantação de IML em Laranjeiras do Sul - Cantu em Foco - O seu site de notícias da Cantu

Últimas

terça-feira, 1 de outubro de 2019

Vereador Júnior Gurtat solicita a implantação de IML em Laranjeiras do Sul

Atendendo clamor popular o vereador Júnior Gurtat esteve em Curitiba reivindicando a implantação de um IML (Instituto Médico Legal) em Laranjeiras do Sul. A reunião aconteceu junto ao Deputado Estadual Anibeli Neto (MDB). Conforme Gurtat, a Câmara de Laranjeiras do Sul pede que haja gestão junto ao Governo do Paraná para a implantação do instituto no município.
“Nossa cobrança é no sentido de pressionar para que os investimentos ocorram, uma vez que da maneira como está, além de sofrerem com a perda de um ente querido, famílias continuarão sofrendo a espera da liberação do corpo. Foram diversos pedidos enviados pela Câmara de Laranjeiras do Sul referente a melhorias no serviço prestado, mas sem respostas em relação a investimentos”, explicou o vereador, que enviou recentemente ao Poder Executivo Municipal indicação de serviços solicitando gestão para melhorias na unidade de Guarapuava.
”Enquanto o referido órgão não é instalado em nosso município, solicitamos a intervenção do deputado Anibeli junto ao Governo Estadual para um melhor atendimento do Instituto Médico Legal que nos ampara, tendo em vista que na condição de representantes da população, temos recebido e acompanhado reclamações pela precariedade dos serviços prestados e principalmente pela demora no atendimento, causando aos familiares ainda mais angústias e sofrimento”, cobrou Gurtat.
Solicitações - Durante a reunião junto ao deputado Anibeli o vereador ainda protocolou outros dois ofícios solicitando emenda parlamentar. A primeira pede recursos para a aquisição e distribuição de resfriadores de leite de 500 litros aos agricultores de Laranjeiras do Sul. O segundo requer a implantação de um sistema de saneamento rural para atendimento de aproximadamente 40 famílias na comunidade do Rio do Tigre, que sofrem com a constante falta de água potável.
Assessoria de Imprensa

Nenhum comentário: