Nova Laranjeiras - Adolescente era estuprada pelo padrasto, com conivência da mãe, desde os 11 anos - Cantu em Foco - O seu site de notícias da Cantu

Últimas

sábado, 26 de outubro de 2019

Nova Laranjeiras - Adolescente era estuprada pelo padrasto, com conivência da mãe, desde os 11 anos

O Ministério Público do Paraná divulgou nesta sexta-feira (25) as circunstâncias em que ocorreu o crime de estupro de vulnerável que terminou com a prisão de um casal em Nova Laranjeiras.
De acordo com o MP, a 2ª Promotoria de Justiça da comarca, apresentou denúncia contra a mãe e o padrasto de uma adolescente de 15 anos por abuso sexual. Assim, os dois estão presos preventivamente, também a pedido do MPPR. Ainda conforme as informações do MP, o caso teve grande repercussão na cidade.
Isso porque a violência teria começado quando a menina tinha apenas 11 anos. Em 2018 a adolescente teve um filho, que seria do padrasto. A mãe seria conivente e também agente da violência. A denúncia já foi recebida pela Justiça. O processo tramita sob sigilo.
A PRISÃO
A mulher foi presa pelo Grupo de Diligências Especiais (GDE) de Laranjeiras do Sul acusada de estupro de vulnerável. De acordo com a Polícia Civil a prisão ocorreu nessa quarta (23) no interior do município de Nova Laranjeiras.
Ainda conforme a polícia, a mulher estava sendo monitorada desde a prisão do marido, no dia 17 de outubro. Ele foi preso na linha Xagu também acusado de estupro de vulnerável. Ao ser informada de que havia um mandado de prisão preventiva contra ela, a mulher tentou fugir.
A polícia explicou que a tática utilizada pela acusada era não passar mais de um dia no mesmo lugar. Por isso, houve demora para localizar e cumprir o mandado de prisão. Foi feito um cerco policial na propriedade rural onde ela estava.
Além disso, ao notar a presença da polícia, ela tentou se esconder em um matagal, mas foi perseguida e presa. Por fim, a polícia não informou os nomes e as idades dos presos. A mulher foi encaminhada para Delegacia de Polícia Civil de Laranjeiras do Sul.
RSN

Nenhum comentário: