Estado fecha parceria para construção de 9 mil casas populares - Cantu em Foco - O seu site de notícias da Cantu

Últimas

quinta-feira, 31 de outubro de 2019

Estado fecha parceria para construção de 9 mil casas populares

O Governo do Paraná lançou um grande pacote de habitação popular que prevê a construção de 9 mil moradias em diversos municípios do Estado até 2022. O investimento é da ordem de R$ 1 bilhão a serem aplicados ao longo dos próximos três anos. O protocolo de intenções firmado com a Pacaembu Construtora foi assinado pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior nesta quinta-feira (31), durante a abertura do evento Governo 5.0, em Foz do Iguaçu.
“Estamos trazendo um dos maiores grupos da construção civil para o Paraná, um investimento de cerca de R$ 1 bilhão para moradias. É a nossa preocupação em melhorar a vida da população”, destacou Ratinho Junior. As unidades serão construídas com recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), financiados pela Caixa Econômica Federal.
PARCERIA – O Governo do Estado, por meio da Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar), vai disponibilizar toda a estrutura técnica para os empreendimentos, que serão erguidos em todas as regiões do Paraná, de acordo com um cronograma a ser definido.
“Precisamos de parcerias de grande porte. Ajuda, e muito, a diminuir o nosso déficit habitacional, entregando moradias dignas para a população paranaense”, ressaltou Jorge Lange, presidente da Cohapar.
Além disso, assim como já acontece em projetos deste tipo, haverá a participação da Copel e Sanepar com a instalação das redes de energia elétrica, água e esgoto nos futuros conjuntos habitacionais.
EMPREGO E RENDA – A construtora já possui equipe de trabalho estruturada no Estado e está finalizando as negociações para instalação de sua base. A intenção é lançar o projeto inicial já no primeiro semestre de 2020. De acordo com Victor de Almeida, vice-presidente de negócios da Pacaembu Construtora, além das 9 mil habitações, a empresa estima criar até 25 mil empregos diretos e indiretos no Estado.
“Escolhemos o Paraná na hora de buscar um novo mercado para expansão, um Estado que está crescendo, que tem compromisso com a população e que busca o desenvolvimento”, afirmou o empresário. “Temos muito a contribuir com esse momento do Paraná, também gerando emprego e renda”, completou.
Almeida explica que a empresa é especializada em construir bairros completos para pessoas de baixa renda, com diversos empreendimentos no Estado de São Paulo.
AEN

Nenhum comentário: