Paraná

Tenente e sargento do Exército são presos pela PM em Curitiba

De acordo com a Polícia Militar, houve ameaças e também desacato durante uma abordagem após uma denúncia anônima. Dois militares do Exército, um sargento e um tenente do 20º Batalhão de Infantaria Blindado, foram presos pela Polícia Militar (PM) em um bar na Avenida Mário Tourinho, no bairro Tingui, em Curitiba. De acordo com a PM, houve ameaças e também desacato durante abordagem após uma denúncia anônima. O tenente Daniel, do 20º Batalhão da Polícia Militar, explicou que os policiais realizavam uma operação quando foram informados, anonimamente, da presença de homens armados dentro de um bar.

 “No local abordamos um grupo de indivíduos e houve uma certa confusão, com vários se recusando a serem revistados. Então, parte deles se apresentaram como militares do Exército, iniciando o desacato e a resistência à abordagem. Dentro da delegacia, houve ainda ameaças durante a lavratura do Boletim de Ocorrência”, explicou o tenente. O tenente lamentou que o caso tenha terminado na delegacia. “Infelizmente é uma situação que temos que nos deparar no dia a dia, mas não gostaríamos, porque são militares de uma força irmã nossa”, disse. Os militares, de 25 anos, podem ser indiciados por desobediência e desacato.

Após preenchimento de Termo Circunstanciado, eles foram liberados e ficam a cargo da Polícia do Exército. A reportagem procurou a Comunicação do Exército que informou que os militares responderão também a um inquérito penal militar e, caso a culpa seja comprovada, receberão as punições cabíveis.

Informações da Banda B.
Cantu em Foco

0 comentários:

Tecnologia do Blogger.