Destaques

Estou esperando meu filho sair do barro’, diz pai de vítima da barragem em MG

Na foto, o senhor Wilson Francelino Caetano observava a cerimônia de homenagem as vítimas feita em parceria dos bombeiros, comunidade e polícias, ele é pai de o mecânico Luiz Paulo Caetano, de 31 anos, que está entre os desaparecidos.

O rapaz, que tinha acabado de se casar e não era de Brumadinho. Foi chamado pela Vale para trabalhar justamente naquele dia, ele tinha que consertar umas máquinas da mina. Wilson, uma pessoa humilde, sentada em um monte de árvores mortas, disse poucas palavras ao repórter que o abordou, mas foram palavras certeiras que definem muito bem o sentimento que vai restar a muitas famílias.

O repórter se aproximou e perguntou se Wilson era morador local, e recebeu a seguinte resposta. “Não”, disse ele. Depois de um silêncio, emendou. “Estou esperando meu filho sair do barro”.