Cidades

Peladona igreja evangélica cantando a música sertaneja “50 Reais”

Fiéis de uma igreja evangélica de Santo Antônio da Platina, Norte do Paraná,  levaram um susto, ao perceberam que uma mulher estava nua no interior do templo em pleno culto de fim de semana, entoando músicas “profanas” causando ainda mais choque nos presentes, pela cena inusitada.
Enquanto a maioria das pessoas orava, ela entrou na igreja completamente nua entoando a música sertaneja, “50 Reais”, de Naiara Azevedo e a canção reggae do cantor Armandinho, cujo verso principal diz que “quando Deus te desenhou, ele estava namorando”. Esta última canção causou ainda mais revolta pelo suposto teor “sacrílego”, como se ela estivesse profanando um lugar sagrado e o nome de Deus.
A mulher de 35 anos, solteira, moradora no bairro, contou a alguns vizinhos e amigos que se sentiu ultrajada com o pastor, cuja identidade não foi revelada, quando ele, na hora da pregação, teria afirmado que alguém entre os fiéis estava com um frasco de perfume na bolsa e que deveria entregá-lo no púlpito. Ela disse ter entendido que o recado seria para ela, como se o pastor a estivesse expulsando da igreja.
Ela deixou o local silenciosamente, foi a sua casa, que fica a cerca de duas quadras do templo, tirou toda roupa e retornou à Igreja, como um ato de repulsa ao gesto do pastor. A polícia foi chamada, e a mulher encaminhada pelo Samu ao Pronto Socorro.
A informação é do Portal Umuarama
Cantu em Foco

0 comentários:

Tecnologia do Blogger.