Brasil

Médico foge após bancária morrer ao passar por procedimento estético em seu apartamento no RJ


O médico Denis Cesar Barros Furtado, 45 anos, teve a prisão decretada pela Justiça do Rio de Janeiro na segunda-feira (16) após a a morte de uma paciente durante procedimento cirúrgico realizado no apartamento do doutor.

Furtado, conhecido nas redes sociais como “Doutor Bumbum”, acumula mais de 650 mil seguidores apenas no Instagram. Ele ficou famoso por expor os resultados das intervenções estéticas de glúteos de suas pacientes.

O médico mora e atua em Brasília, mas de acordo com as investigações e até outras denúncias costumava viajar para atender as pacientes fora de hospitais. 
A vítima fatal, Lilian Quezia Calixto de Lima Jamberci, de 46 anos, saiu de Cuiabá, no Mato Grosso, e passou pelo procedimento no sábado, (14), no Rio de Janeiro.

Após a intervenção, a mulher passou mal e deu entrada no hospital Barra D’or. Ela teve quatro paradas cardiorrespiratórias mas não resistiu.  O próprio médico levou Lilian até o hospital acompanhado de sua namorada, que trabalhava com ele como sua secretária.

A vítima deu entrada na emergência ainda lúcida. Ela falou que havia sido submetida a um implante de 300 ml nos glúteos e que estava se sentindo mal. A morte de Lilian foi confirmada no domingo (15).

Denis Furtado e sua namorada Renata Fernandes deixaram o hospital assim que levaram a vítima e fugiram. Renata foi localizada e teve sua prisão temporária de 30 dias decretada como suspeita de ter ajudado no procedimento que resultou na morte da bancária Lilian Calixto.

Em depoimento, ela declarou que não sabia que a prática era irregular e que não participava dos procedimentos, apenas cuidava da agenda do médico, que segue foragido.

Resultado de imagem para Médico foge após bancária morrer ao passar por procedimento estético em seu apartamento

Fonte- TN Online
Cantu em Foco

0 comentários:

Tecnologia do Blogger.