Paraná

Paraná - DNA confirma que corpos encontrados carbonizados são de Miss e de empresário

Exames de DNA comprovaram que os corpos encontrados carbonizados em Altônia, no noroeste do Paraná, são da miss Bruna Zucco, de 21 anos, e do empresário Valdir Brito Feitosa, de 34 anos, segundo a Polícia Civil.
Eles estavam desaparecidos desde 22 de março, mesma data em que dois corpos foram encontrados queimados na caçamba de uma picape na área rural da cidade. A polícia trabalhava com a principal suspeita de que os corpos eram da estudantes e do empresário.
O material genético foi coletado pelas famílias dos desaparecidos em 23 de março e a previsão era de que o exame ficasse prontro entre 30 e 60 dias. Mas o resultado foi divulgado nesta segunda-feira (9), 17 dias após a coleta do material.

Relembre o caso


A Miss Altônia Bruna Zucco, de 21 anos, foi vista pela última vez na madrugada de 22 de março, depois de sair da faculdade.
Na manhã de 22 de março, dois corpos foram encontrados carbonizados em uma picape em uma estrada rural do município.
Motoristas que passavam pela estrada rural, em Altônia, encontraram o veículo em chamas e acionaram a polícia (Foto: Divulgação/Polícia Militar)
Desde o início das investigações a polícia trabalhava com a hipótese de que os corpos encontrados queimados eram de Bruna e do empresário Valdir Brito Feitosa, de 34 anos, que tinha desaparecido no mesmo dia.
Cantu em Foco

0 comentários:

Tecnologia do Blogger.