Cantu

Laranjeiras do Sul - Dois ônibus da caravana de Lula são atingidos por tiros

LARANJEIRAS DO SUL -Dois dos três ônibus da caravana do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pela região Sul foram alvejados com tiros nesta terça-feira, 27, na estrada entre Quedas do Iguaçu e Laranjeiras do Sul, no interior do Paraná. Os disparos foram relatados por integrantes da caravana do petista. Ninguém ficou ferido.
Um dos veículos apresentava marcas de três tiros. Um disparo perfurou a lataria e outros dois atingiram os vidros. O ônibus carregava jornalistas de blogs e sites independentes, que fazem a comunicação da caravana, e repórteres estrangeiros. Ao menos um argentino e um alemão estavam a bordo. 
Dois pneus do veículo que conduzia os jornalistas foram atingidos por “miguelitos” – objetos pontiagudos usados para furar pneus e bloquear vias. O outro ônibus, que foi atingido por um tiro, levava convidados da caravana do petista. O ônibus em que estava o ex-presidente Lula não foi atingido. 
A Polícia Civil do Paraná informou na noite desta terça-feira que uma equipe da Delegacia de Laranjeiras do Sul permanecia no local do incidente, “verificando a situação” com a comitiva do ex-presidente. “Será feita uma perícia no ônibus e se constatado um disparo de arma de fogo será aberto um inquérito policial para apurar os fatos”, informou a polícia.
Conforme a nota da corporação, a Polícia Militar do Paraná reforçou o policiamento nos locais de manifestação determinados previamente pela caravana do ex-presidente e “não houve, por parte do ex-presidente, o pedido de escolta”.
Conforme relatos, alguns quilômetros adiante, quando a caravana já estava próximo ao trevo para Laranjeiras do Sul, o motorista de um dos ônibus percebeu uma redução na velocidade e achou que poderia ser um pneu furado. E foi então que eles desceram dos ônibus e viram as marcas de tiro e encontraram os “miguelitos”.
O ex-presidente publicou nas redes sociais duas fotos com os ônibus alvejados. Mais tarde, durante ato em um assentamento na cidade, ele discursou e tratou do episódio: “Atirem pedra, deem tiros no ônibus como fizeram hoje, mas não se pensam que vão acabar com minha disposição de lutar estão enganados.”
Cantu em Foco

0 comentários:

Tecnologia do Blogger.