Cantu

PREFEITURA DE VIRMOND ENTREGA PRIMEIROS KITS DO PROGRAMA CAIXA D’ÁGUA

O Programa Caixa D’ Água será referência para avanço em demais municípios do Paraná, sendo Virmond a cidade pioneira na instalação
O Governo Municipal por meio da Secretaria de Assistência Social em parceria com a Secretaria da Família e Desenvolvimento Social do Paraná – SEDS e a Sanepar, iniciaram nesta semana a entrega dos primeiros kits do Projeto Caixa D’Água às famílias carentes contempladas.
Ao total 44 famílias selecionadas recebem um kit contendo junções, tubulações, suporte com base de ferro para colocação da caixa d’água, uma caixa d’água de 500 litros e mais R$ 1 mil em dinheiro para a instalação.
O CRITÉRIO DE SELEÇÃO
Para a seleção das famílias, foram escolhidas aquelas que cumpriam com os critérios do programa, originou-se do cruzamento de dados do Família Paranaense, Cadastro Único e Tarifa Social da Água. As famílias foram visitadas durante o mês de janeiro pelos membros do comitê Família Paranaense (Martinha Wilchak Verneke e Suzana Gurtat Teixeira), que realizaram o cadastramento e as coletas das assinaturas do termo de adesão.
Segundo o prefeito Neimar Granoski, “o programa é via Governo do Estado, sem custo algum para às famílias selecionadas e visa conforto e comodidade às famílias que ainda não tem reservatório de água, proporcionando uma reserva para períodos de falta ou corte no abastecimento”, declarou.
Para o beneficiado Pedro Antônio Cardoso, o programa é maravilho. Segundo ele, “muitas vezes a família passou necessidades por falta de água. E agora com o projeto é mais qualidade de vida e água na torneira sempre”, finalizou.
1ª FASE DO PROGRAMA
O projeto-piloto do programa Caixa D’Água, desenvolvido pela Secretaria da Família e Desenvolvimento Social, em parceria com a Sanepar e municípios, vai atender 499 famílias, de nove municípios prioritários do programa Família Paranaense, sendo eles: Diamante do Sul, Espigão Alto do Iguaçu, Guaraniaçu, Laranjeiras do Sul, Marquinho, Nova Laranjeiras, Quedas do Iguaçu, Rio Bonito do Iguaçu e Virmond.
Na fase seguinte, a intenção é levar o programa para cerca de 20 mil famílias em situação de pobreza, em todo o Paraná.
Um estudo feito pela Sanepar e pela Secretaria da Família indica que a cada cinco casas paranaenses uma não tem caixa de água, o que representa 20% das residências. Entre a população com renda mensal abaixo de R$ 1,3 mil, a falta é ainda mais comum e é observada em 30% das casas.
Cantu em Foco

0 comentários:

Tecnologia do Blogger.