Brasil

Socorrista morre atropelada durante atendimento em rodovia

Uma estudante de enfermagem morreu após ser atropelada duas vezes na Rodovia Santos Dumont, em Indaiatuba (SP), na noite deste sábado (20). Liliane Fátima de Brito, de 36 anos, morava em Sorocaba (SP) e trabalhava como socorrista da concessionária Colinas. Ela foi atropelada enquanto prestava atendimento às vítimas de um carro que capotou no quilômetro 57 da Rodovia Santos Dumont. Chovia bastante no momento do acidente. Segundo informações da polícia, Liliane foi atingida por uma moto enquanto sinalizava a faixa na pista sentido Salto. Ela foi arremessada para o canteiro. 

O motociclista fugiu do local sem prestar socorro. Ao ver o atropelamento, outros dois socorristas da equipe chefiada por Liliane foram socorrê-la, enquanto o quarto ficou sinalizando a pista. Na sequência, outro veículo atropelou o funcionário que fazia a sinalização, invadiu o canteiro e atingiu os dois socorristas e Liliane, que estava caída. Os quatro funcionários foram levados a hospitais da região em estado grave, mas ela não resistiu aos ferimentos. Os ocupantes do veículo que capotou e do carro que atingiu os socorristas não ficaram feridos.
Cantu em Foco

0 comentários:

Tecnologia do Blogger.