Cantu

Secretaria Municipal de Saúde inicia o ano com oficina de Planejamento e Instrumentos de Gestão

Na manhã desta terça-feira, 9, aconteceu nas dependências do Centro Catequético em Rio Bonito do Iguaçu, uma oficina de treinamento para os gestores da saúde no município, coordenada pela psicóloga Georgia Luchese.
 
 
A iniciativa faz parte do planejamento das atuações das equipes das unidades de saúde para 2018. Estiverem presentes gestores de todas as unidades de saúde, enfermeiras, motoristas e outros profissionais ligados à área.
 
 
A secretária de Saúde, Keullin Oliboni, explicou que o intuito deste treinamento é a capacitação dos profissionais e visando melhorar o atendimento à população rio bonitense.
 
 
“Estamos hoje recebendo a ajuda da Georgia Luchese, qual tem experiência e atua em todo o Estado, para fazer o planejamento com nossas equipes. Isso é muito importante, porque a gente sempre em todas as unidades de saúde em tempos anteriores, não acostumavam fazer planejamento para suas ações. Normalmente pra gestão que fazia parte do planejamento, do plano municipal de saúde, da programação anual de saúde e simplesmente entregava para as equipes executarem”, explica Keullin.
 
 
Hoje Rio Bonito do Iguaçu está agindo diferente no planejamento com as equipes. A secretária de Saúde reuniu todas as coordenações de atenção básica, de vigilância e também as coordenações das unidades básicas de saúde. A idéia é que o que for planejado nesta oficina, seja levado e complementado com todas as unidades. Então os 140 funcionários da Secretaria de Saúde farão parte do planejamento a ser executado em 2018.
 
 
“Um elemento bem importante que está sendo trabalhado nesta oficina é a parte dos instrumentos de gestão, que a maioria dos profissionais de saúde desconhecem. Normalmente na maioria das secretarias, elas são engavetadas. São realizadas apenas para cumprimento de legislação e são engavetadas. A gente quer fazer diferente, utilizar o nosso plano municipal de saúde, visualizar ele diariamente, entender que ele faz parte do nosso PPA do município; entender que ele vai fazer parte da nossa programação anual de saúde e que os recursos utilizados pelos SUS devem ser contemplados por esse plano”, reitera Keullin.
 
 
“No dia 5 de janeiro o Ministério da Saúde realizou unificação dos blocos de financiamento do SUS. Antes o ministério passava recursos em cinco blocos de financiamentos. Hoje serão apenas duas contas. Então o planejamento tem que ser muito melhor feito. Porque hoje a gente precisa cumprir as regras pra gente poder executar esse orçamento adequadamente e de acordo com a Legislação. Porém agora com apenas dois blocos, apenas duas contas. Então fica mais difícil.É importante que as equipes entendam isso e que participem do planejamento para que possam executar as ações com qualidade, buscando sempre o melhor atendimento e qualidade de vida para a nossa população”, complementa a secretária de Saúde.

Assessoria Comunicação RBI
Cantu em Foco

0 comentários:

Tecnologia do Blogger.