Brasil

Mulher leva 9 facadas do namorado um dia após denunciá-lo por agressão e ameaça de divulgação de fotos íntimas em Mato Grosso


Uma mulher levou nove facadas do namorado depois de ser atacada por ele enquanto dormia no quarto da casa dela, nessa segunda-feira (29), em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá. Estella Cristina Ribeiro, de 32 anos, trabalha como promotora de vendas e está internada no Hospital Jardim Cuiabá.

Estella foi esfaqueada um dia depois de ter denunciado o namorado, Lucas Silva Santos, de 25 anos, de ter cometido ameaças, agressões e torturado o cachorro de estimação dela. Eles têm um relacionamento há nove meses. 


Vítima registrou BO contra o namorado, Lucas Silva Santos, que não foi encontrado pela polícia (Foto: Facebook/Reprodução)
Vítima registrou BO contra o namorado, Lucas Silva Santos, que não foi encontrado pela polícia (Foto: Facebook/Reprodução)
A briga ocorreu na tarde de domingo (28) na casa da vítima, no Bairro Nova Ipê, em Várzea Grande. No mesmo dia a vítima registrou um boletim de ocorrência na Polícia Civil.

Segundo a tia de Estella, Vania Cristina Ribeiro, Lucas, depois de atacar a sobrinha, mandou áudios pelo WhatsApp ameaçando matar a família dela.

Brigas e ameaças
No domingo, Estella estava em uma festa com os amigos e o namorado, na casa dela. Em um determinado momento, ela levou o filho, de 3 anos, para dormir em um dos quartos. Lucas a seguiu e, enciumado ao vê-la mexendo ao celular, perguntou porque a namorada falava no WhatsApp.

Lucas tomou o aparelho e o quebrou. Depois, o casal começou a discutir e se agredir. No boletim de ocorrência, Estella afirmou que as brigas e ameaças têm sido constantes. Também disse que ele tem fotos íntimas dela e chegou a chantageá-la de publicá-las na internet.

Na briga, Lucas pegou o cachorro da vítima e asfixiou o animal, ao ponto de quase matá-lo. A família conseguiu separar o casal e salvar o cachorro. Após a confusão, Lucas fugiu e ameaçou voltar e matá-la.

Ataque
Estella fez o BO no final da tarde de domingo e disse que tinha medo de que algo acontecesse com ela. O caso ainda seria encaminhado para a Delegacia a Mulher. Por volta da meia-noite, já na madrugada de segunda-feira, o namorado tentou matá-la.

“Foi uma briga por ciúmes. Ele ficou muito agressivo, pulou o muro, invadiu a casa e quebrou a porta de vidro [do quarto dela]. A sorte é que ela levantou [da cama], mas levou nove facadas”, disse a tia da vítima.
De acordo com a família, Estella continua internada, em estado grave, até esta terça-feira (30).

“Ela teve que drenar o pulmão, levou facadas no pescoço, nas costas e na perna”, comentou a tia.
Lucas mandou áudios para a família, fazendo provocações, e ameaçou matar outras pessoas que são parentes da namorada.

A família disse que uma delegada da Delegacia da Mulher conversou com Estella, no hospital, e começou a apurar o caso. Lucas não foi localizado até esta terça-feira.

Fonte:G1
Cantu em Foco

0 comentários:

Tecnologia do Blogger.