Guarapuava

Acusado de estupro algemado, foge enquanto estava sendo ouvido na 14ªSDP em Guarapuava

Um preso fugiu da 14ªSDP no início da noite dessa terça feira (09) enquanto estava sendo ouvido pelos policiais.
O homem estava sendo ouvido por volta das 18h15, na Delegacia da Mulher, mas quando estava sendo levado para a carceragem saiu correndo. Ele estava algemado e foi visto por populares na Rua Padre Chagas, em frente ao Parque do Lago.
A situação chamou a atenção dos empresários que tem estabelecimentos próximo à 14ªSDP, que estão preocupados com as constantes fugas.
As polícias Civil e Militar estão realizando cerco na área central para tentar recapturar o foragido.
Duas mulheres suspeitas que estavam próximas ao local da fuga foram abordadas pelos PMs. Uma das mulheres é irmã e a outra companheira do suspeito. A irmã  disse aos policiais que sabia que o irmão tinha fugido e as duas acompanhavam a movimentação policial para saber se ele seria recapturado ou não.
O fugitivo tinha sido preso na tarde desta terça feira (09) por estupro. Morador do Loteamento Adão Kaminski, Jean Cascaquinha é um velho conhecido da polícia. Ele está em liberdade condicional após ter sido condenado a cerca de 12 anos de prisão por assalto. Segundo sua irmã, que pediu para não ser identificada, há cerca de 3,6 anos que Casquinha saiu da prisão, após várias fugas, inclusive no regime semiaberto. Ele é irmão do Cascão, morto por um policial militar. Cascão tinha sido o autor da morte de um PM.
RSN
Cantu em Foco

0 comentários:

Tecnologia do Blogger.