sábado, 9 de setembro de 2017

Roubo é registro em Rio Bonito do Iguaçu

Por volta das 19h50 minutos a equipe recebeu uma ligação de uma pessoa no qual não se identificou, a qual relatou que a filha do senhor O.J.F. morador da localidade de Alta Floresta estava fechada dentro do banheiro escondida, pois estava acontecendo um roubo em andamento em sua residência. Imediatamente foi feito contato com o plantão do Copom da 2º cia, na qual foi solicitado apoio de uma viatura de Laranjeiras do Sul.

Foi deslocada até a residência informada pela equipe na localidade Alto Floresta, onde foi feito contato com senhor O.J.F., onde relatou que o roubo havia acontecido na residência de sua vizinha a senhora  M.K. P., a mesma passou a relatar que chegou em sua residência por voltas 16 horas vindo a encontrar a mesma arrombada de onde foi levado alguns objetos e em torno de R$650,00 reais, sendo assim a mesma pediu auxilio aos vizinhos  os quais deslocaram até a sua residência sendo que por volta das 19 horas ouviram vozes próximos a residência quando O.J.F. e sua família adentrara a residência, a senhora M.K.P. foi surpreendida por dois elementos em posse de uma espingarda o qual lhe deram voz de roubo dizendo ‘’voltamos para buscar alguma coisa que pertence ao seu marido’’, O.J.F. conseguiu fechar a porta de entrada da residência onde estes faziam ameaças a M.K.P. e chutavam a porta na tentativa de arrombá-la, quando senhor O.J.F. gritou: ‘’vão embora que eu já chamei a policia’’, os indivíduos efetuaram dois disparam contra a porta e um deles gritou: ‘’saia O.J.F., que nós vamos dar um tiro em sua cara’’, nesse momento os mesmo conseguiram arrombar a porta sendo que ao adentrar a residência o cidadão baixou a espingarda momento que a senhora M.K.P.  conseguiu tomar a espingarda do individuo, os mesmos na tentativa de empreender fuga, um deles acabou tropeçando na cerca elétrica e acabou caindo, momento que a senhora M.K.P.  apontou a arma em sua direção e efetuou um disparo na região da barriga, o mesmo gritou e elevou a mão a barriga e saiu correndo, a senhora M.K.P.  tentou carregar a arma, não sendo possível no momento.

Deslocado até a residência da vitima onde a equipe encontrou dois estojos de cal.22 na área da residência e a porta da sala arrombada, feito buscas nas redondezas no primeiro momento ouviu passos em uma mata próxima a residência, onde foi dada voz de abordagem representava que parava quando a equipe se aproximava seguido por umas três vezes esse fato. Foram efetuados dois disparos no chão, feito uma varredura no local não sendo localizado nenhum suspeito. A senhora M.K.P. prontamente entregou à arma a equipe, na qual fez a apreensão da mesma e de dois cartuchos deflagrados e fez levantamento de objetos furtados.

As vitimas não reconheceram nenhum dos suspeitos, os mesmo seriam altos morenos e encapuzados no momento. Não foi ouvido barulho de veiculo nas proximidades.

Feito contato com a 2 SDP repassado as informações e encaminhado a arma e os cartuchos para devida providencias. 
Recomendamos para você:
 
VOLTAR AO INICIO
Copyright © 2013-2017 Cantu em Foco | 5 anos informando a Cantu. Criado por: Cantu em Foco