quarta-feira, 4 de janeiro de 2017

Epocler, dipirona, Maracugina e Coristina são recolhidos por falhas

Do site da Veja
A Hypermarcas avisa que sua subsidiária Brainfarma Farmacêutica recolheu voluntariamente 119 lotes de medicamentos do mercado. O motivo foi uma falha no processo de pesagem, “pela utilização da antiga área de pesagem da fábrica durante a transição desta operação para a nova central de pesagem”, sobretudo em excipientes (componentes que não o princípio ativo dos medicamentos), segundo explicou a empresa, em comunicado divulgado nesta terça feira (04). “Não há indicações de que o uso destes medicamentos possa gerar efeitos adversos à saúde, além dos previstos em bula.”
Os lotes dos medicamentos, produzidos entre janeiro e março de 2016, representam 0,9% do volume anual e o recolhimento terá um custo “imaterial”, diz a Hypermarcas, sem impacto sobre os negócios da companhia.
Entre os remédios estão Epocler, Dipirona sódica, Amoxilina, Maracugina, Coristina e Biotônico Fontoura. A lista completa está no site da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), que determinou a suspensão da distribuição, comercialização e uso de todos os produtos e lotes dos medicamentos.
(Com Estadão Conteúdo)
Recomendamos para você:
 
VOLTAR AO INICIO
Copyright © 2013-2017 Cantu em Foco | 5 anos informando a Cantu. Criado por: Cantu em Foco