quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

Agricultura empresarial contrata R$ 72 bilhões da atual safra

Os médios e grandes produtores rurais contrataram, de julho a dezembro de 2016, R$ 72 bilhões, o equivalente a 39% do programado no Plano Agrícola e Pecuário 2016/2017, de R$ 183,8 bilhões. As contratações de investimento aumentaram 2,3% na comparação com o mesmo período do ano anterior.

As aquisições de máquinas e de implementos agrícolas continuam liderando os financiamentos de investimento, totalizando R$ 4,2 bilhões, com incremento de 57% e absorvendo mais de 80% das disponibilidades de recursos inicialmente programados. “Essa procura maior e a expectativa dos bancos quanto à crescente demanda no segmento, tornou necessário liberar mais R$ 2,5 bilhões para o Moderfrota”, observou o diretor de Crédito e Estudos Econômicos do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Antonio Luiz Machado de Moraes.

Outras linhas de investimentos que tiveram desempenho positivo foram o Moderagro (R$ 266 milhões), Procap-Agro (R$ 1,2 bilhão) e Pronamp (R$ 1,4 bilhão).

As linhas de custeio e de comercialização tiveram retração em comparação com o período de julho a dezembro de 2015. O custeio ficou em R$ 43,6 bilhões ou 14,6% a menos. Já a comercialização caiu quase 6% e somou R$ 11,9 bilhões.

As contratações de crédito rural com recursos provenientes da emissão da Letra de Crédito do Agronegócio (LCA) totalizaram R$ 9,2 bilhões, de junho a dezembro, ante R$ 4,5 bilhões de igual período da safra anterior.



Fonte: Assessoria de Comunicação Social MAPA
Imagem:Ilustrativa
Recomendamos para você:
 
VOLTAR AO INICIO
Copyright © 2013-2017 Cantu em Foco | A informação ao seu alcance. Criado por: Cantu em Foco