sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

Menino estupra a própria irmã depois de ver vídeo pornô na internet

Um menino de apenas 12 anos foi detido após ser acusado de violentar a própria irmã, de apenas 9 anos, depois de assistir um filme pornográfico com cenas de conteúdo sexual na internet. O caso aconteceu na cidade de Cheltenham, no Reino Unido. O garoto, hoje com 14 anos, foi encaminhado para tratamento em uma clínica de recuperação, após confessar que estuprou a irmã várias vezes depois de assistir as imagens no computador.

De acordo com o juiz inglês que cuidou do caso, o crime reforça os cuidados que os pais devem ter ao deixar seus filhos usarem livremente a  Internet, uma vez que, atualmente, as crianças têm livre acesso a conteúdos sexuais pesados ao navegarem pela rede mundial de computadores.

O menino teria afirmado para a vítima que, se eles não tivessem relações sexuais, “não seriam mais irmãos”. Segundo a polícia, o crime acontecia quando a mãe das crianças se ausentava de casa. Após a menina pedir ajuda, ao ser confrontado pela mãe, o garoto respondeu que as relação eram “consentidas.”

Atualmente o menino encontra-se internado sob acompanhamento médico e só usa a internet sob monitoramento. O jovem ainda está proibido de ter qualquer contato com a irmã mais nova e, após deixar a clínica, aos 16 anos, deverá ser monitorado pelas autoridades inglesas contra crimes sexuais até completar 19 anos de idade.





Fonte: Blasting News
Imagem:Ilustrativa
Recomendamos para você:
 
VOLTAR AO INICIO
Copyright © 2013-2017 Cantu em Foco | A informação ao seu alcance. Criado por: Cantu em Foco